Conheça a Godot - Uma engine open source para desenvolvimento de games

Desenvolva jogos para diversas plataformas

Quando falamos em desenvolvimento de jogos e fazemos uma pesquisa, encontramos diversos frameworks  disponíveis e que facilitam bastante a vida do desenvolvedor na criação de jogos para diversas plataformas. Engines como Unity3D, Construct, Game Maker, Unreal tiveram muita aceitação por parte dos desenvolvedores, no entanto a maioria dessas engines são pagas e outras limitadas para uso.

Hoje iremos  falar um pouco de uma engine que ganha cada vez mais espaço no mundo do desenvolvimento de jogos. Totalmente gratuita e Open Source, a Godot praticamente não deixa nada a desejar quando se trata de frameworks robustos para jogos.

A Godot te oferece a possibilidade de criar jogos para diversas plataformas, como:

  • Desktop: Windows, macOS, X11
  • Mobile: Android, iOS
  • Web: WebAssembly
  • VR: Oculus Rift, SteamVR
  • Console:  A Lone Wolf Technology, por exemplo, faz a portabilidade e publicação de jogos para Switch, PS4 e XBox One. Outras empresas terceirizadas oferecem também o serviço de portabilidade de jogos criados na Godot para consoles.

Com vários recursos poderosos e prontos para uso, em alguns jogos bem simples a programação é mínima. Adotando linguagens próprias como a GDscript que é dinamicamente tipada e outras já conhecidas como C++ e etc. O desenvolvedor terá um leque de opções para escolher a linguagem que mais domina para uso no processo de desenvolvimento. A linguagem nativa GDScript é uma linguagem de fácil uso e entendimento, para quem já conhece Python, rapidamente perceberá a grande semelhança na sintaxe.

Na construção dos jogos, a Godot adota uma estrutura de Nodes, um Node(nó) poderá ter outros nodes que são chamados de filhos e estes sucessivamente poderão ter outros nodes, o que estruturalmente leva a semelhança de uma arvore.

Um exemplo seria um jogo de nave, onde na imagem abaixo podemos ver como estruturalmente esse jogo no seu início de construção poderia ficar. Cada retângulo seria um node com seu respectivo nome.



Os nodes são selecionados dentro da engine de acordo com o seu tipo, como exemplos, nodes do tipo que trabalham com imagens animadas, como AnimatedSprite. Timer que já seria um node que trabalha com a grandeza tempo. De acordo com a natureza do node escolhido na construção dos jogos, estes terão propriedades específicas que poderão ser manipuladas tanto via código, como também através dos próprios recursos que a Engine oferece.

Observe no lado direito onde consta cenario10, alguns nodes e seus respectivos filhos, veja que também alguns como plats e cenario10 possui ao lado um ícone de papel, isso significa a vinculação do node a um script de programação criado para manipular propriedades específicas do node e eventos no jogo. Esse cenário da imagem representa o que chamamos na Godot de scene, uma scene é um conjunto de nodes criados e utilizados com um determinado propósito para o jogo.

Essa é outra grande vantagem da Godot, as scenes podem ser criadas separadas para depois juntas formarem o jogo. O que favorece muito o trabalho de equipes de desenvolvedores, que dividem suas atividades de forma independentes.

Abaixo selecionamos um vídeo do youtube onde mostra um jogo criado na Godot


Além deste, vários outros jogos desenvolvidos nessa poderosa Engine, mostram o quanto podemos confiar quando dizemos que não deixa nada a desejar no desenvolvimento de jogos.

Em breve estaremos disponibilizando diversas postagens de introdução ao uso da Godot, como também ensinamentos do processo de criação de jogos. Faremos jogos pequenos para que o usuário do nosso site, comece a partir disso, desenvolver seus próprios jogos.

Até mais galera!!


Se você ainda não cadastrou seu email para receber atualizações de postagens, vá a nossa página inicial e cadastre, ou se preferir clique Aqui
Autor
Maclaine Sabino

Maclaine Sabino Graduado em Matemática, Administração, finalizando Análise e Desenvolvimento de Sistemas.
Ama aprender coisas novas, tecnologia e música.